Acompanhantes de pacientes da UPA24H ficam sem refeição

0
160

De acordo com uma nota enviada pela servidora municipal Silvanda Aragão a esta coluna, ela nos relata uma situação preocupante em relação a este serviço público de saúde de extrema relevância para o nosso município e região.

No desabafo da servidora ela faz um resumo completo sobre a situação da UPA24H desde o seu início de funcionamento até o dia de hoje (22/03/2019). Ela relata as lutas para receber seus salários, as dificuldades para atender bem os pacientes e as preocupações com o futuro da UPA.

E um dos motivos que levou a servidora a escrever este alerta foi os acontecimentos de hoje em que os servidores e pacientes ficaram sem almoço até as 14 horas e os acompanhantes dos pacientes ficaram sem comer.

Estamos de Olho! Estamos vendo tudo!

Veja a seguir os relatos da servidora Silvanda.

Boa tarde

Nesse espaço quero mostrar a minha indignação como servidora da UPA 24 hs e também como usuária do serviço de saúde

Vamos aos fatos:

Em Dezembro de 2016 fomos empossados como SERVIDORES MUNICIPAIS DE SÃO RAIMUNDO NONATO-PI, após uma grande luta quando da realização do concurso público realizado 2012 (onde saímos vitoriosos);

Em Janeiro de 2017, iniciamos nosso trabalho na UPA, mas devido alguns entraves houve um acordo entre Estado e Município, onde os mesmos fizeram um acordo onde o Estado do Piauí ficou responsável por enviar o valor referente ao nosso salário e o MUNICÍPIO em pagar os encargos socias, ocorre que o Estado nunca enviou os valores em dia (só recebemos nosso salário de dois em dois meses, quando a justiça bloqueia os valores) e o Município deixou de depositar 10 meses de FGTS (afinal, não somos mais celetista, e sim, estatutários, sendo que o município tinha a obrigação de ter colocado nosso FGTS em dia antes da aprovação do Estatuto).

Vale ressaltar ainda que, já houveram várias audiências e em todas nós ganhamos o direito de recebermos  nosso salário até o quinto dia útil do mês subsequente ao trabalhado, mas como as gestões não tem compromisso com esses servidores e nem em atender (obedecer) decisões judiciais, continuamos a receber salário atrasado.

Hoje dia 22 de Março ainda estamos na incerteza do nosso salário de FEVEREIRO, um absurdo!

Tem mais alguns agravantes:

Fala-se que a UPA irá fechar até o meio do ano? Será que isso procede? Com a palavra os gestores!? Mas mesmo diante de conversar a respeito de tal assunto devemos ficar vigilantes, não só os servidores daquela unidade que são massacrados desde a abertura da mesma, como também todas as pessoas que precisam do atendimento daquela unidade, não só a população de São Raimundo Nonato, como também de toda macrorregião

Sabemos que a UPA como o próprio nome já diz é uma unidade de Pronto Atendimento, mas não raramente quando chegamos ao plantão encontramos pessoas internadas já com até 3 dias, porque não encontraram vagas disponíveis nos leitos de hospitais seja aqui no HRSCF ou em outras cidades.

Isso é a falência e o descaso que vemos na SAÚDE PÚBLICA do nosso ESTADO

AS refeições que são servidas para funcionários e pacientes são trazidas do HRSCF que por muitas vezes deixa muito a desejar, como por exemplo: hoje 22 de Março de 2019, os plantonistas e pacientes vieram receber refeição as 14 hs (P.S os acompanhantes não tiveram direito a refeição), não existe um transporte adequado e exclusivo para o transporte dessas refeições, sendo que muitas vezes os funcionários que estão no plantão cedem seus transportes para que a refeição chegue até aquela unidade.

É uma situação bastante delicada, pois trabalhamos com vida, e como podemos prestar um atendimento de boa qualidade diante de tamanha escravidão, desvalorização.

Os servidores CONTRATADOS, esses já estão seguindo para 3 (três) meses sem recebem salário como fica a saúde desses servidores, precisamos do nosso salário para termos uma vida digna para sairmos de nossa casas satisfeitos para realizarmos um bom atendimento a qualquer pessoa que venha a precisar dos serviços ofertados naquela instituição.

Cobramos além de salários em dia, valorização, respeito, dignidade, porque servidores sem salários vivem com seu psicológico afetado, podendo causar muitos transtornos e encadear varias doenças em um futuro bem próximo, afinal trabalhamos em um ambiente insalubre, cheio de bactérias e contaminação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor, preencha seu nome auqi