MP instaura inquérito para apurar ato de improbidade em São Raimundo Nonato

0
81
Carmelita Castro - Foto divulgação

O Ministério Púbico do Piauí, através da Promotoria de Justiça da cidade de São Raimundo Nonato, instaurou inquérito civil público para apurar supostos atos de improbidade administrativa praticados pela prefeitura do município.

A prefeita Carmelita Castro (PP) é investigada pela na contratação de serviços de assessoria/consultoria administrativa, contábil e jurídica sem a devida realização de licitação ou processo de inexigibilidade conforme as determinações da Lei 8.666/1993.

A promotora Gabriela Almeida de Santana requisitou  à Prefeitura Municipal de São Raimundo Nonato/PI, no prazo de 15  dias, cópias de todos os processos administrativos de licitação e/ou dispensa/ inexigibilidade, contratos, empenhos e recibos de pagamentos realizados pelo município na contratação de escritórios de advocacia e assessoria contábil nos anos de 2017, 2018 e 2019.


Fonte: 180graus

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor, preencha seu nome auqi